Carreira com propósito: como desenvolver?

Em que momento da vida a gente tem a certeza do que queremos fazer?



Pergunta muito relativa essa!


Propósito! Você conhece o seu?


Ter um propósito de vida é viver plenamente!


Você já se perguntou: 


- Porquê estamos aqui?

- Qual a nossa utilidade para a humanidade?

- O que nos faz feliz e realizados?


A maioria das pessoas, infelizmente, não faz ideia de qual é o seu propósito de vida. Afinal, isso nem sempre é muito claro ou fácil de descobrir. A vida nem sempre nos dá tempo ou tranquilidade para isso. Dependendo da condição social em que as pessoas vivem é ainda pior.

Mas, se pararmos para pensar, podemos compreender coisas importantes, e chegar a algumas conclusões significativas. Pensamentos simples podem nos levar a respostas muito claras, que normalmente são deixadas de lado e passam desapercebidas, impedindo o nosso crescimento. 


Vamos dar um exemplo? O que é:


CORRETO:

Estar, nitidamente, no caminho certo. Sentir paz, alegria e gratificação pelo papel que desemprenha em sociedade, e que traz o próprio sustento ao mesmo tempo. 


ERRADO:

Se sentir cansado, esgotado e desanimado na maior parte do tempo. Ter a impressão de que a vida não faz sentido algum ou se sentir impotente diante dos acontecimentos.


Desempenhar um papel com alegria e leveza faz toda a diferença na trajetória de qualquer pessoa. Se sentir útil, e perceber as aptidões sendo desenvolvidas e colocadas em prática, nos trás sensação de bem estar e dever cumprido. Estamos aqui para isso sabia?

Nem sempre é possível se encontrar nesse caminho, como eu já mencionei, as dificuldades da vida estão aí para atrapalhar. Mas, em algum momento da vida, temos chances ou oportunidades de descobrir e desenvolver nosso propósito. Se pararmos para pensar nisso e nos desprender um pouco de crenças limitantes, podemos alcançar coisas extraordinárias.



Eu, por exemplo,  cresci ouvindo que "pobre" não pode escolher serviço, tem que fazer o que aparecer e dar graças à Deus por isso. Que temos que aprender a gostar do que fazemos e não fazermos o que gostamos propriamente dito. Sim, até certo ponto eu concordo com isso, mas ao mesmo tempo isso é desmotivador. Tem momentos na vida em que a humildade de aceitar o que vem pela frente, abraçar e desempenhar os papéis que nos são oportunizados é necessário.  Mas isso pode ser visto como uma ponte e não como o destino final. Todo aprendizado é bem vindo, mas não precisamos nos limitar a isso, não precisamos nos "podar" e achar que não podemos ir mais longe ou realizar coisas diferentes e que se encaixem com a nossa personalidade e vocação.


Nós temos vocação para algo. Todos nós!


É muito importante descobrirmos a nossa vocação para sermos mais úteis, mais realizados e nunca, "jamais", termos raiva das segundas-feiras, desânimo para o trabalho, sonhos sufocados e enterrados, e tristeza de continuar vivendo.

Se ainda não descobriu o seu propósito, apenas atente-se para isso. Considere o seu atual momento como uma ponte que pode te fazer chegar onde você deveria estar, em paz, alegre, satisfeito e realizado. Sem entrar em desespero ok! Independente da sua idade, cada um de nós, têm uma história e, normalmente, cheia de dificuldades que precisam ser superadas. Nesse caso, o tempo é muito relativo, e nem todo mundo vai descobrir no início da juventude ou antes dos trinta. Alguns de nós descobrirá perto do fim, outros sequer chegarão perto,porque talvez tenha passado a vida inteira acreditando no que alguém falou, sem o menor embasamento. 

A nossa história tem que ser vivida e pensada de forma muito particular, isso significa que ninguém tem o direito de decidir nada por você. Ser autor da própria história, que bonito isso né? E muito necessário! 

Precisamos entender também, que sempre existirão "ossos do ofício". Mesmo desempenhando papéis que nos tragam alegria e realização, sempre teremos algumas pedras, pedrinhas ou rochas no caminho. Precisamos desenvolver a persistência, a coragem, a perspicácia e algumas outras qualidades que só a maturidade e as experiências podem nos proporcionar. E, com calma, sem pânico, vamos chegando lá...


                                       Imagem: www.benefi.com.br




O que você achou? Comente

0 comentários:

Postar um comentário

© Copyright 2021 NellBux - Todos direitos reservados.